12 de fevereiro de 2008

De um Desafio, uma Oportunidade

12 fevereiro Escrito por Eliude Santos , 10 comentários
Devido a minha vontade de tornar-me escritor e como a Paraíba estava muito distante do nicho editorial do país, preferi ficar em São Paulo ao retornar da missão. E voltei a morar com minha mãe.

No entanto, vi que o desejo por si só não era suficiente para alimentar minhas aspirações. E precisei voltar ao mercado de trabalho. Mas, depois de quase dois anos em que meu único contato com o "mundo" era através de cartas, estava longe de atender às exigências de um mercado de trabalho tão concorrido e competitivo. E, devido ao fracasso das primeiras tentativas, comecei a pensar o que eu poderia fazer com meu tempo livre.

Decidi, então, dar aulas de inglês como voluntário e fiz isso durante dois anos. O voluntariado ajudou-me a ampliar meu ciclo de amigos e melhorar minhas habilidades como professor. O convívio diário com americanos também ajudou a melhorar minha fluência e sotaque.

E, porque as pessoas conheceram meu trabalho, fui indicado para algumas escolas de idiomas da região. Fiz entrevista em algumas delas e acabei sendo chamado para juntar-me ao grupo de colaboradores da Wizard Campo Limpo.

A Wizard sempre foi uma empresa que me inspirou grande confiabilidade, especialmente por ter um método fundamentado na neurolinguística, que permite que os alunos vençam os naturais bloqueios de aprendizagem, estimulando a livre expressão e auto-motivação. E, trabalhar para uma empresa que nos respeita e recompensa adequadamente foi um grande presente.

E não o teria recebido se, em meus dias de ócio, tivesse permitido que o desânimo e desinteresse se alojassem na minha mente.

10 comentários:

  1. Legal o q vc quis mostrar, sempre devemos ir atras dos nossos sonhps e superar barreiras, e parabéns a Wizard eh mt boa, pena que não tem aki na minha cidade
    =/

    beeeeijo

    ResponderExcluir
  2. Fazer a diferenca eh algo que poucos arriscam. Quando queremos os louros, as pessoas costumam ver 'os ouros que usamos' , mas nao veem ' os tombos que levamos'.

    Para boa vontade, sotaque, seja americano, paraibano ou paulistano, nao contam, mas sim, a acao.

    always delightful...

    ResponderExcluir
  3. obrigado pelos elogios...seja bastante rigoroso mesmo!

    ^^"

    poesia é para se sentir além de tudo né...

    Livro de Augusto (ah...meu sobrenome!)


    passarei pelo seu blog sempre...gostei dele!

    falows

    ResponderExcluir
  4. Cara ir atrás de seus sonhos é a melhor coisa que se deve fazer para conquistá-los...

    Thau, um abraço!!
    TaBlito!!! <<< Entra lá e comentah!!!

    ResponderExcluir
  5. Porisso que digo:
    Chorar sempre, desanimar nunca.
    Boa sorte em sua nova jornada!!!

    http://www.k4osss.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Não é nova... heheheh... Já dou aula na Wizard há mais de três anos... O meu blog está começando como uma retrospectiva de acontecimentos importantes na minha vida... e esse foi um deles!

    ResponderExcluir
  7. sao poucos os que tem força e coragem pra correr atras de seus sonhos ;

    parabens pela força e pela coragem.

    ResponderExcluir
  8. li os comentários aui, bem legais,
    mas enfim, graças a wizard nos conhecemos..
    eeeeeeeeeeeeee viva a wizard,
    huahuahuahuaa, como sou boba!
    bjoks!

    ResponderExcluir
  9. Parabéns , Eulide apesar de não conhece-ló pessoalmente, sucesso e sucesso estarei torcendo daqui para , vc alcançar mais este objetivo! Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  10. Com tanta experiência que você postou aqui sobre você já tem matéria para mais de um livro.

    ResponderExcluir

Compartilhe esse artigo em suas redes sociais e aproveite este espaço para registrar seus pensamentos sobre esta postagem.